Cruz das Almas: "Quem promoveu deveria ter vergonha na cara e ressacir as vítimas" diz promotor sobre queima de espadas

O promotor de justiça,  José Reis Neto, falou durante uma entrevista ao Cruz na Tela, na tarde desta segunda-feira (27) no Fórum Fórum Dr. Tancredo de Almeida Neves em Cruz das Almas, sobre a insistência de algumas pessoas na queima de espadas durante os festejos juninos no município. 

Ele explicou que chegou a anunciar na Imprensa a vinda do exército para ajudar a polícia no combate, principalmente a queima das espadas, prática proibida pela justiça, desde 2011, mas para a sua surpresa, faltando somente três dias para o São João, recebeu um comunicado do órgão, informando que não seria possível enviar homens e nem veículos para o município. Ainda segundo Reis, o Exército alegou que recebeu ordens de Brasília para fazer uma segurança no entorno do Estádio da Fonte Nova em relação a olimpíada. 

A Coordenadoria da Policia Civil que também havia se comprometido a mandar uma viatura com três homens para ajudar na fiscalização, mas segundo o promotor  não foi diferente do Exército, pois ligou no mesmo período dizendo que não havia mais como cumprir com o que foi combinado. Quatro pessoas foram presas com espadas durante o período da festa e ficaram recolhidas no xadrez da delegacia. 

O promotor ainda parabenizou o trabalho da Imprensa na divulgação do número de queimados e classificou como importante o trabalho da polícia, que mesmo sem os reforços que viriam atuar na cidade, cumpriu sua missãoAinda segundo ele, as pessoas que promovem a queima de espadas são bandidos da pior espécie, pois acabam lesionado e prejudicam a população.

"Sugiro aos apoiadores dessa prática, que vão atrás das pessoas que tiveram casas prejudicadas, que se feriram e perguntem quanto foi o gasto para proteger os imóveis, façam uma pintura e paguem o prejuízo. 

Espero que tenham vergonha na cara e a decência de tentar ao menos corrigir seus erros," disparou Reis. Ele ainda prometeu no ano que vem,  provocar reuniões para falar sobre o assunto, buscando o melhor para todos os lados. Cruz na Tela

45 comentários:

  1. Enquanto liberar o salitre não tem como proibir a queima de espadas.

    ResponderExcluir
  2. Pelo que eu presenciei este ano,as espadas não vão acabar nunca.

    ResponderExcluir
  3. Olá promotor,
    Acredito que para manter a ordem na cidade deva-se começar claro fazendo a lição de casa, no seu caso especifico, seria necessário pedir reforços sim, mas para inibir ou ate mesmo extinguir a malandragem crescente na cidade de Cruz das Almas.
    Quer reforço?!
    Peça, mas para prender os assaltantes, homicidas que tem espalhado medo e tensão aos cidadães cruzalmenses, quer ser firme?! Incentive a polícia a desmanchar as ditas "bocas" de tráfico na cidade, esta cidade esta nas mãos dos bandidos, enquanto vocês se preocupam apenas em tentar acabar com uma tradição centenária da cidade.
    Com tanto a ser feito em nossa cidade acredito que o Sr deveria ter como foco principal a segurança dos cidadães e afirmo com certeza que as queimas de espadas tendo em vista a grande violência na cidade não é nem de longe para ser tida como prioridade.

    ResponderExcluir
  4. O tráfico de drogas tá imperando em nossa querida Cruz das Almas e não vejo da justiça o mesmo empenho pra combater o tráfico como eu vejo pronunciamentos para combater a queima de espada,fico indignado!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc deveria ficar indignado por um jovem perder sua vida porque tomou uma espadada na cabeça e veio a óbito por sua tão querida tradição, vcs não sentem pois não tem amor ao próximo.ele tinha uma mãe e um pai que com certeza estão sofrendo essa perda.

      Excluir
  5. enfim só quem sai perdendo é quem teve o imóvel ou ferimentos,porque essés irresponsável não vão assumir.e essas paletas tem de ser bem antes só deixam p.perto do Joao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. È isso mesmo ,concordo com vc.

      Excluir
  6. Parabens ao promotor.

    ResponderExcluir
  7. A tradição nunca vai acabar tem e que libera as espadas

    ResponderExcluir
  8. Aqui no bairro quase todos q estão envolvidos na fabricacao e queima tem ou já teve problemas na justiça... Digo quase Pq conheço uns q ainda não teve... Lamento pelas pessoas q não estava no meio e foram atingidos e estão sem apoio para custeios do trauma causado por essas armas mortal chamada tradição... Espero um dia ter um local fechado para colocar esses espadeiros com suas espadas e q cada um corra seu risco ... Chega de destruição na nossa cidade ... Faz um votação na cidade e veja q 95% da população é contra... E pode ser maior... Tradição não pode fazer o mal a quem não participa...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OH JESUS!!!95%???? VAI SONHANDO KKKKKKKK

      Excluir
    2. Eu acho q mais de 95% não apoia mesmo esse mal terrível de espadas de maloqueiros

      Excluir
    3. Falou tudo, vc pode ter errado nos 95% pois não existem tanta gente de bem que apoie esta tradisgraça vc acertou quando disse que tem que ter um lugar para quem quiser ir morrer que morra só, nós que não gostamos e não tem nada com esta tradição não pode sofrer danos.a maioria que apoia não sabe o que é amor ,sofrer por uma perda não se importa nem com mãe e nem com filhos ou com quem quer que seja tanto faz morrer ou viver que se exploda o mundo, porque se desse valor ao presente que Deus deu a cada um que é a vida fazia de tudo pra preservar a sua e a dos outros.

      Excluir
  9. Cadê vcs espadeiros?? Comentem agora
    Chinguem agora ??
    Covardes!!
    Tem medo do promotor de justiça???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Medo???tem q se ter respeito por outro homem,independente do cargo ou posição social exercida por tal!!!e da mesma forma tem q ser reciproco o respeito!!!Eu acredito que bandido da pior especie são os que estão envolvidos em desvio de dinheiro publico governando esse paiS DE POPULAÇÃO HIPOCRITA E DEMAGOGA!!!

      Excluir
    2. Bandido é sempre bandido, os piores pra mim não é os que roubam ,mas os que tiram vidas.

      Excluir
    3. Espadas nunca mais vai acabar 2017 vai ter que chamar a swat por que não vai ter quem tire ou faz um local fechado para agente ou vai ter que sair para fazer agente parar com todo respeito as autoridades mais 2017 vai pegar foto

      Excluir
  10. Alguem tem que intervir para organizar não ficar ouvindo um pessoa não sabemos de onde vem ficar chamando Cruzalmense de bandidos, um Homem foi preso no dia 23 com Drogras traficando e ainda esfaqueou o rapaz, no dia seguinte estava solto isso ai é bandido e foi solto porque conhece alguem de poder na cidade agora a professora que esta presa so sai se pagar a fiança, fiança essa que traficante não pagou... vai entender. Espadas SIM com organização.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. PARABENS PELO COMENTARIO ! ! !

      Excluir
    2. gostei, quando falou tudo isso ,realmente ctem que ter prioridade aos crimes e marginais mas as drogas só usa quem quer e as espadas não ,mesmo vc não se envolvendo vc é atin gido por elas seja materialmente ou danos fisicos no corpo ou até a morte, não sou contra que acabe, mas que tenha um lugar apropriado para toca-las; sem que ofereça risco para quem tá dentro de sua casa , ou vá pro seu trabalhoou saia para fazer algo. por que quando menos se espera vem uma dessas assassinas e bate na cabeças de alguém ou queima.

      Excluir
  11. AS LEIS BRASILEIRAS NINGUEM RESPEITA MESMO,NÃO TEM JEITO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. PROTEGE LADRÃO RICO, LEGITIMA POBRE LADRÃO, E QUER TER MORAL PARA DAR PRESSÃO NOS QUE TRABALHAM HONESTAMENTE O ANO TODO PARA SUSTENTAR ESSA CORJA. OU TEM DIÁLOGO OU NÃO HAVERÁ ACATO DESSA PROIBIÇÃO AUTORITÁRIA.

      Excluir
  12. PARA ESSA RAÇA UMA AUTORIDADE FALANDO E UMA VACA CAGANDO É A MESMA COISA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade kkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
  13. Por q não faz uma incursão do exercito em cruz das almas pra retirar as drogas das ruas,por q eu só vejo as esquinas cheias de pivetes armados assombrando os pais de familia!

    ResponderExcluir
  14. A nossas crianças estão se acabando na marginalidade e ninguém faz nada. Pra prender espadas vcs logo se prontificam.

    ResponderExcluir
  15. Acorda pra vida Promotor!!!!
    Outras queixa Ñ ta indo a frente quanto mas essa..... só rindo

    ResponderExcluir
  16. Mas traficar pode? Só pra ajudar a família e sustentar seus filhos!Ainda sem ser visto como coitadinho! Ah ta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Certíssima em sua observação

      Excluir
  17. ano que vem vamos botar e fogo na cidade cidade sem lei kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  18. Tempos atras foi apreendido um jovem portanto uma arma de fogo calibre 32,pra sair da cadeia ele so precisou pagar um salario minimo!!!!ai eu pergunto a vossas autoridades q justiça é essa!!!!e eu falo por que conheço o PM que fez a apreensão que afirmou qua a PM cruzalmense ESTA ENXUGANDO GELO!!!

    ResponderExcluir
  19. Promotor eu gostei seu trabalho mas eu acho minha opinião fazer um projeto junta os espadeiro fazer sociacao ter organização tipo faxa local que poder tocar com segurança as pessoas for por meio com roupa de segurança ter fiscalização no fabricação um lugar ensolado seguro ,todos os espadeiro paga um fiança tipo taxa ser de algum prejuízo tinha verba quer todos pagou que não tivesse dentro da lei pegava material predida isso sim coisa seria outra.minha opinião dono do sati mostra essa opinião minha por nosso promotor muito obrigado pela atenção.

    ResponderExcluir
  20. Graças a deus q o problema do circo, foi resolvido pelo corpo de bombeiro!

    ResponderExcluir
  21. Sou totalmente contra as espadas, quase morri por causa de uma espada que subiu e me acertou e foi bem longe de onde ela foi tocada. Todavia sou muito mais contra ao tráfico de drogas, os crimes de morte e toda sorte de males causados pela violência, portanto para mim as espadas não são prioridades no combate, pois é só uma vez por ano, mas a maldade cotidiana essa sim é prioridade.
    E o que foi dito acima é verdade: ver os pivetes armados nas esquinas afrontando pais de família é que é insuportável.
    Peço ao senhor promotor que trabalhe incansavelmente nesse sentido também.
    Obrigado.

    ResponderExcluir
  22. Li todos os comentarios e percebo o descontentamento popular contra esse promotor de justiça.
    Tentei entender as palavras do promotor e não consigo> Espadeiros são criminosos da pior especie? Mas não foi esse mesmo promotor que fez uma reuniao com os espadeiros para trazer as espadas de volta com uma bitola menor? As contradições desse promotor em varias colocações dele em situações vivenciadas por pessoas dessa cidade me levam a crer que o "QUE O QUE ESSE PROMOTOR DIZ NÃO SE ESCREVE". Imaginem o perigo de um cidadão desse julgando pessoas, quantas injustiças, quanta prepotencia aplicadas em cima de pessoas indefesas. E alerto as pessoas que ouvi na Camara de Vereadores antes do São João que o promotor não tem pretenção de ir embora da cidade, pretende ficar aqui como promotor da cidade para sempre. Mais alguns anos e o povo promoverá uma guerra contra esse promotor maior que a guerra de espadas. Alguem duvida? Ele representa o autoritarismo, a ditadura, o coronelismo a prepotencia, a arrogancia...Que Deus tenha piedade de nós

    ResponderExcluir
  23. Lamentável! Chega ser irônica tal declaração Vossa Excelência. Os senhores ao lado do comando militar estão aptos e ao serviço do cidadão não conseguem coibir e fiscalizar a queima de espadas. O que será de nós cruzalmense estando a mercê da criminalidade que cresce de maneira caótica assustando e impedindo o bem estar de nossas famílias.

    ResponderExcluir
  24. Engraçado a cidade fica nas mãos dos bandidos o ano inteiro e ninguém faz nada . As espadas e só dois dias no ano e vem um monte de retardado falar bosta

    ResponderExcluir
  25. Uma mulher perdeu a visão de um olho pá foi atingida por uma espada e um rapaz morreu atingido por outra espada. Aí ninguém fala nada. É tradição centenária. Eu qro q seja um filho, um pai ou uma mãe de vcs. Aí qro ver se vão continuar adorando. Rebanho de idiotas sem instrução.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. CONCORDO COM VOCE, SE FOSSE A MAE OU FILHA DE UM FILHO DA PUTA DESSES ESPADEIROS QUE TIVESSE CEGA OU MORTA, SE ESSES IDIOTAS ESTAVAM DEFENDENDO ESPADA. A POLICIA DEVIA AMARRAR UMA ESPADA NO SACO DE CADA UM, ACENDER E SOLTA NA RUA, AI ACABAVA ESSE GUERRA DE GENTE IMBECIL E SEM INSTRUÇÃO.

      Excluir
    2. Concordo plenamente pessoas sendo mutiladas e mortas por causa das espadas e muitos estão achando normal é porque não sentiram na pele a dor de perder um ente querido ficam dando desculpa que é tradição. Espero que os governantes sejam mais rigorosos com esses irresponsáveis .

      Excluir
    3. Agora me respondam qtos filhos morreram e qtos mães choraram só este ano por ver seus filhos mortos por traficantes com vários tiros na cabeça? Vcs se solidarizam com essas mães?q nem se quer viram os bandidos que mataram seus filhos serem presos! Vcs são um bando de hipócritas e demagogos! Quero ver qdo morrer um parente de vcs com dez tiros na cabeça! Ai vcs vão chamar o promotor pra prender o assassino q ele vai atender vcs!

      Excluir
  26. Sr promotor tradiçao não se acaba tem q procurar uma maneira de educar a maneira do fabrico e onde tocar ad espadas. Por q em Senhor do Bomfim não tem poblemas.

    ResponderExcluir
  27. O PESSOAL TA PEGANDO NO PE DO PROMOTOR PQ ELE QUR FAZER CUMPRIR A LEI. REBANHO DE IGNORANTE, A LEI EXISTE, N FOI O PROMOTOR QUE CRIOU NAO. POR ISSO O BRASIL N VAI PRA FRENTE, PQ O POVO É BURRO. PQ QUEM ELEGE NO BRASIL, É QUEM LIMPA A BUNDA COM JORNAL, NAO É QUEM LER.

    ResponderExcluir
  28. Santa ignorância agora o promotor vai sair em casa em casa pra conferir a bitola so rindoooo... acaba logo essa porra e der una os traficantes tbem
    ja temos plobemas dmais!!!! Todo bairo tem uma boca

    ResponderExcluir