'Suspeito de torturar duas mulheres 'Diabo Loiro' morre em confronto com a polícia em Governador Mangabeira

Era por volta de 11h50 da manhã de segunda-feira (23/08) quando aconteceu um confronto, entre policiais militares da 27ª CIPM, sediada em Cruz das Almas e homens armados, no bairro do Portão, na cidade de Governador Mangabeira.
Segundo a polícia, agentes do Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO) faziam rondas, quando foram recebidos a tiros e revidaram injusta agressão. Durante o confronto, os indivíduos saíram correndo por uma região de vegetação e um deles correu para dentro de uma casa, atirando contra os policiais, que reagiram de igual forma. O homem, foi baleado no confronto e socorrido para o hospital, onde não resistiu, vindo a óbito. Ele foi identificado, como Lucas dos Santos, o "Diabo Loiro". A polícia apurou, que ele era suspeito de ter participado de uma espécie de tribunal do crime, onde duas mulheres foram torturadas, no último dia (17/08) sendo, que uma delas foi baleada e socorrida para o Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus (HRSAJ), fato divulgado aqui no site. Foram encontrados com Lucas dos Santos: uma embalagem com cerca de 500 gramas de maconha, nove trouxas de maconha, um pino de cocaína, dois relógios de pulso, um revólver adaptado para calibre 380, com munições deflagradas e intactas, touca ninja, um fardamento camuflado, R$ 5, 00 (cinco reais em dinheiro) e uma gaiola com um pássaro silvestre (Papa capim). Todo material foi apresentado na delegacia, onde o delegado titular, Luiz Castro Freaza, diante do exposto, expediu guias para remoção do corpo para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) e instaurou um inquérito policial afim de apurar os fatos. Cruz na Tela


10 comentários:

  1. Esse portão dá e deixa

    ResponderExcluir
  2. Ueliton falei aqui no Sait sobre a situação que se encontra o Portão mais vc não quis divulgar a minha notificação

    ResponderExcluir
  3. As duas meninas que foram torturadas já estão bem
    Mais não tem vergonha na cara não dou duas semanas pra elas tarem dinovo no meio desses ratos

    ResponderExcluir
  4. Wellington não segura os comentários não
    É bom que chega até a justiça p vê se os policiais faz um limpar aqui em governador Mangabeira

    ResponderExcluir
  5. Quem sofre com tudo isso são as mães desse elementos que não colocou um marginal no mundo

    ResponderExcluir
  6. Ohh papa capim dos meus sonhos.

    ResponderExcluir
  7. Polícia de merda como sempre mentindo trocou tiro... Trocou tiro porra nenhuma eles invadi mata e cai fora depois diz q trocou tiro, bando de opressores,abusam do poder sem farda n são ninguém.

    ResponderExcluir
  8. Esses covarde pegou o parceiro dormindo e ainda fala qui trocou tiro polícia bom é polícia morto

    ResponderExcluir
  9. O portão tá chei di traficanti
    Policia nele

    ResponderExcluir